RISCOS DE ACIDENTES COM MÁQUINAS

Engo. Agro. José Luiz Viana do Couto

jviana@openlink.com.br

.

máquina (*)
(latim machina, -ae
s. f.

1. Aparelho destinado a produzir movimentos ou a transformar determinada forma de energia.

2. Instrumento ou aparelho formado de peças móveis. =MAQUINISMO, MECANISMO.

.

Conforme a ABNT NBR NM 213-1:2000 – Segurança de máquinas, PERIGO á a causa capaz de provocar uma lesão ou um dano à saúde. RISCO é a combinação da probabilidade e da gravidade de uma possível lesão ou dano para a saúde, que possa acontecer em uma situação perigosa. Ou seja, para ser definido o conceito de risco, precisa-se do conceito de perigo.

.

Segundo o Ministério do Trabalho e Emprego – MTE (**), dos 393.600 acidentes do trabalho ocorridos no Brasil em 1999, cerca de 98.400 (ou 25% dos acidentes graves e incapacitantes) foram devidos a problemas com máquinas. O total de acidentes pulou para 748 mil em 2008.  E olhe que as estatísticas não cobrem os trabalhadores informais – sem carteira assinada – que formam cerca de 60% do total.

.

Com o avanço da consciência ambiental no Brasil, a cada dia é maior o número de máquinas que colaboram com a defesa do Meio Ambiente. A Eng. Mecânica Isabel da Silva e o Eng. de Segurança Bráulio Souza, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos, publicaram o artigo A melhor alternativa (Revista Proteção | No. 239 | Novembro/2011 | pág. 76), divulgando um método fácil e intuitivo de calcular o Risco de Acidentes com Máquinas, mostrado na Figura abaixo.

..

Imagem

.

MMÁQUINAS UTILIZADAS NA PROTEÇÃO AMBIENTAL

 

Entre as máquinas utilizadas rotineiramente no Brasil em proteção do meio ambiente, poderíamos relacionar os seguintes grupos:

a)    Utilizadas em estações elevatórias e de tratamento de água, esgoto e chorume;

b)   Tratamento e recuperação de efluentes industriais e da agroindústria;

c)    Reciclagem dos RSUs, RCDs e aproveitamento do gás do lixo – GDL;

d)   Catalizadores do escapamento de veículos auto-motores; e

e)    Outras.

.

NÚMERO DE CLASSIFICAÇÃO DE RISCO

(Hazard Rating Number – HRN, em ingles)

 

Um dos 3 métodos apresentados na reportagem da Revista Proteção e que serviu de base para ilustrar este texto. Apesar de simples e lógico, deve ser aplicado individualmente para cada risco existente na máquina. Ou seja, se houver cinco pontos de riscos, o método deve ser repetido 5 vezes (para a mesma máquina). Entretanto, para fins didáticos, foi considerado somente um perigo existente por máquina, na planilha Excel da Figura acima.

.

Os principais Fatores Humanos nos Acidentes estão relacionados nesta minha página sobre Riscos de Acidentes na Zona Rural (***). 

.

(*) http://www.priberam.pt/dlpo/

.

(**) http://www.mte.gov.br/seg_sau/pub_cne_acidentes_trabalho.pdf

.

(***) http://www.ufrrj.br/institutos/it/de/acidentes/trator.htm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: